Tadaima no Japão

Estudando japonês no Japão

Estudando japonês no Japão Tadaima
Na placa Ryugakusei Nihongo Kioiku Center - Centro de Ensino de Língua Japonesa para Estrangeiros
Estudar japonês no Japão é divertido, mas você precisa de certa disciplina, paciência e força de vontade, porque pode ser muito ótimo mas também é cansativo

Estudando japonês no Japão Tadaima
Na placa Ryugakusei Nihongo Kyouiku Center - Centro de Ensino de Língua Japonesa para Estrangeiros

[ad#ad-1]
Todas as pessoas que vem até o Japão para estudar gostam de falar sobre suas experiências, como viagens, compras, amizades, situações engraçadas, etc. No entanto boa parte delas se esquece de contar o mais básico, que é apenas o objetivo da viagem em si: como é estudar no Japão. Já faz algum tempo que estou pensando em abordar o tema e hoje decidi escrever sobre o assunto.

Tokyo Gaidai

Estou estudando na Tokyo Gaikokugo Daigaku (東京外国語大学), mais conhecida como Gaidai ou TUFS (Tokyo University of Foreign Studies). A universidade é a mais antiga instituição que se dedica aos estudos internacionais no Japão e seus alunos podem escolher estudar um dos 26 idiomas ofertados. É uma das quatro faculdades japonesas a oferecer a graduação de Letras Português.

Por ter uma política de intercâmbio cultural, a Gaidai mantêm convênios com universidades do mundo inteiro, além de ter dois alojamentos no interior do campus para abrigar os estudantes internacionais – e um terceiro será construído em breve.

Estudando Japonês

Os alunos do mundo inteiro que são selecionados para estudar na Gaidai participam de um programa chamado ISEPTUFS (International Exchange Program of Tokyo University of Foreign Studies), no qual o estudante tem aulas de língua e cultura japonesa. Basicamente, as aulas de japonês acontecem diariamente pela manhã e as demais aulas (literatura, cultura, relações internacionais, etc) acontecem no período da tarde.

Logo no início do semestre os alunos fazem uma prova de nivelamento para saber em qual turma cada um irá ingressar. No caso da TUFS, as aulas de japonês são separadas em 8 níveis, do básico ao avançado. Já as aulas de kanji são independentes das aulas matutinas e divididas em 4 níveis.
[ad#ad-2-middle]

Aulas de Japonês

Eu ingressei no nível 4 de japonês, chamado de intermediário 1. As aulas acontecem de segunda à sexta e cada dia da semana tem uma professora diferente. As aulas são totalmente faladas em japonês, com raras exceções de uma ou outra palavra em inglês para explicar algum termo mais complicado.

Nós usamos um livro chamado Jyougyuu he no Tobira, no qual cada capítulo trata de um tema da cultura japonesa, como religião, educação, alimentação, mangá, etc. Dentro do tema há interpretação de texto, pontos gramaticais e expressões, basicamente. As aulas são sempre ordenadas em pontos gramaticais, interpretações de texto e expressões. De vez em quando são propostas atividades como “apresente algo sobre seu país”.

Todos os dias, nos primeiros cinco minutos da aula, a professora da vez faz ditado de duas ou três frases com o conteúdo dado nas aulas anteriores – gramática e expressões. No ditado é necessário escrever sempre em hiragana, pois o objetivo do exercício é fazer com que o aluno escreva as palavras de maneira correta. As lições de casa também são numerosas, seja no preparo de alguma leitura ou exercícios relacionados com a matéria dada.

As aulas de kanji não tem segredo, é ouvir algo sobre o kanji, suas leituras, escrever, escrever, exercícios, escrever, memorizar. Não tem outro jeito.

Estudando japonês no Japão Tadaima
Japanese Language Center (Centro de Língua Japonesa) - prédio exclusivo para o ensino de japonês aos estrangeiros

Aulas com Japoneses

As aulas sobre cultura japonesa e afins são uma oportunidade de estudar com os japoneses. Todas as aulas que os alunos estrangeiros podem escolher, nesse caso, são ministradas em inglês. O momento de fazer trabalhos em grupo é uma ótima experiência para ver como os japoneses se organizam – e é bem diferente dos brasileiros, afinal somos o povo do improviso, não é mesmo?

No estudo e na vida, os japoneses tem três pilares básicos: yoshuu (preparação prévia), renshuu (treinamento) e fukushuu (revisão). Na hora de fazer um trabalho qualquer, os japoneses precisam treinar, preparar, olhar cautelosamente as coisas, etc. Eu senti certa dificuldade de lidar com isso, porque às vezes para mim já estava tudo pronto mas para eles ainda faltava algo e, no fim, transformava-se em um trabalho totalmente diferente. Mas sempre deu tudo certo.

Estudando japonês no Japão Tadaima
Prédio dos estudantes japoneses - nele acontecem as aulas em inglês

Se você tem interesse em estudar no Japão, antes de mais nada é preciso entender que você precisa de certa disciplina, paciência e força de vontade, porque pode ser muito divertido mas também é cansativo. Também é preciso respeitar as regras dos japoneses, por mais que você não queria, além de que dá um certo trabalho fazer todos os registros e começar uma nova vida – mesmo que temporária.

 Para saber como eu cheguei aqui, veja meu vlog.

Para ler mais sobre a vida no Japão, visite Tadaima no Japão.

[ad#ad-1]

Sobre o(a) autor(a)

Mylle Silva

Sou escritora, roteirista e artesã. Apaixonada pela cultura japonesa, vivo com ela uma relação de amor e ódio desde 1996. Tento sobreviver entre palavras (www.oficinadeescrita.com.br) e encomendas (www.nhom.com.br)

5 comentários

Clique aqui para comentar

  • Eu adoraria conhecer melhor o país e sua língua, mas é muita coisa pra tão pouco tempo. Tanto o número de aulas quanto a quantidade de matéria! Por sorte, tenho seus posts para ampliar um pouco. Devagar e sempre!
    Enfim, boa sorte com os estudos. Talvez eu comece plantando arroz*, mas espero um dia ter força de vontade e ampliar meu conhecimento em japonês…

    Fighting!

    * http://www.youtube.com/watch?v=BKcZ2k8zfFQ&feature=related

  • Eu sou professor de japonês aqui no Rio de Janeiro, e gostaria de parabenizar vocês do TADAIMA por desenvolverem um site interessante, com informações enriquecedoras. Volta e meia acesso e não consigo parar de ler as informações deste site. Visitem também a página de um fã de vocês, SHIRAI CURSO DE JAPONÊS: http://shiraicursos.com

  • Incrivel a faculdade e muito interessante as coisas que você falou.Minha lingua preferida é o japonês e algumas da asia qe por mim tambem gosto como o mandarim e o koriano,mais não sou muito chegado no inglês,mais pelo jeito tenho que aprender,pos pelo oque deu para perceber saber o inglês também é fundamental aíí!!!

Minhas identidades secretas

Oficina de Escrita - para escrever mais e melhor
 

Oficina de Escrita - para escrever mais e melhor
 

Botons Nhom - Presentes Memoráveis