Categorias
Eventos Hana Matsuri

Hana Matsuri 2015

Hana Matsuri, o natal budista de Curitiba, já tem data definida. Anote na sua agenda e venha comemorar conosco o nascimento de Buda com ótimas energias!

Hana Matsuri 2015

Mal começamos o ano e já temos a data do Hana Matsuri 2015, o primeiro festival japonês de 2015 em Curitiba. O evento acontecerá dias 11 e 12 de abril, mas o local ainda não foi definido.

ATUALIZADO em 24/03/2014

O local do evento foi confirmado! O Hana Matsuri 2015 acontecerá no Parque de São José dos Pinhais, localizado na Av. Comendador Franco, s/n (antes de portal do São José dos Pinhais).

Confira o cartaz e o mapa para o evento e também a programação oficial

Confirme sua presença do evento e saiba qual ônibus pegar para chegar 

A Samurai projeto de HQ de Mylle Silva

Em 2014, o festival aconteceu no Parque do Centenário – Memorial da Imigração Japonesa (foto) e teve uma boa recepção do público. O Parque do Centenário foi criado em 2008, ano do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil e foi inaugurado em 2012 pelo então prefeiro Luciano Ducci. O espaço foi criado exatamente para abrigar os matsuri.

Hana Matsuri de Curitiba

O festival de cultura japonesa Hana Matsuri acontece desde 2005 em Curitiba e é conhecido como o Natal Budista. Hana Matsuri significa “festa das flores” nome dado por causa da história do nascimento de Buda. Conta-se que logo após nascer, o pequeno Buda deu sete passos para cada uma das quatro direções (norte, sul, leste e oeste) e, apontando para o céu disse “Neste Universo, Eu vim para purificar as mentes confusas de todos os seres”. Enquanto caminhava, flores de lótus brotavam da terra tocada por seus pés.

Durante o evento acontece o cortejo, momento em que vários monges budistas e crianças caracterizadas percorrem o festival e trazem o Hanamido, um altar repleto de pequenas flores coloridas no qual está a estátua de Buda ainda criança. Depois disso os visitantes podem ir ao Hanamido participar do Kanbutsue, que é o ato de dar o banho de chá doce (amacha) no pequeno Buda a fim de garantir paz e sorte para o resto do ano.

Por Mylle Silva

Sou escritora, roteirista e artesã. Apaixonada pela cultura japonesa, vivo com ela uma relação de amor e ódio desde 1996. Tento sobreviver entre palavras (www.oficinadeescrita.com.br) e encomendas (www.nhom.com.br)

29 respostas em “Hana Matsuri 2015”

Olá, Gustavo! É sim, só que será relativamente menor pois provavelmente será realizado em um espaço menor

seria muito melhor em um lugar fechado e pago, assim só os interessados pela cultura vão ir, sem bardeneiros e afins

Mto longe gente, concordo cm a Leticia, antes fosse em um lugar fechado e pago, assim so quem realmente se interessa pela cultura iria!

Oi, Letícia! Como o Hana Matsuri é bem menorzinho, fica inviável fazer o evento em um local fechado. De qualquer maneira, o local já foi confirmado e eu já atualizei o post. 🙂

Oi, Gabriel! Na Praça do Japão se tornou inviável qualquer evento devido a reclamação dos moradores. O local do Hana Matsuri já foi confirmado, dá uma olhada no post.

Volto a dizer que no ano passado, quando o Hana Matsuri foi no Parque do Centenário (basicamente em frente ao local desse ano) o evento foi ótimo, sem tumultos e só com pessoas que se interessam pela cultura japonesa. Posso afirmar ainda que isso aconteceu exatamente pelo fato dele ser longe de tudo.

tá, então é tipo o haru matsuri só que menorzinho?
com estandes de coisa de anime e genta fazendo cosplay?

Isso mesmo, Gustavo! Não terá tanta variedade de estandes e barraquinhas de comida, mas será feito de coração para todos <3

Olá, gostaria de saber como faço para participar das próximas feiras, sou culinarista e adoro a culinária japonesa, gostaria de estar expondo e vendendo nas feiras…. É possível?

Oi, Cinthia! Você precisa entrar em contato com o Nikkei Curitiba para participar nos próximos festivais.

eu gostaria de saber como entrar em contato com a organização do evento pra saber se eles poderiam convidar algumas pessoa que estou interessado (cosplayers e cantores)

Mylle porque o festival tem este nome “Festa das Flores”? Já que o pequeno Buda desfila em cima de um elefante, é por conta da chuva de flores que caiu quando Sidharta nasceu?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *